O Hobbit – A Batalha dos Cinco Exércitos

Um dos filmes mais esperados do ano saio, sim muitos nerds estavam super ansiosos para conferir a ultima parte. Eu acho que fui até um pouco além, acabei lendo o livro antes de ver a ultima parte,acho que isso me deixou um pouco critica e até mesmo receosa. Para quem não vi-o recomendo parar por aqui.

A opção de ter lido o livro foi muito por curiosidade, tanto que nem comentei aqui no blog o que achei, pois queria comprar o livro com o filme. Erro meu, para quem já leu o livro e vi-o filme, vai saber exatamente do que estou falando. Mas antes de deixar minha opinião desse trabalho em cima da literatura, gostaria de dizer que O Hobbit foi muito bom, sim muito bom, gostei muito do filme, das batalhas, de muitos acontecimentos, das mortes e de algumas coisas que foram fiel ao livro. Agora outros pontos fiquei meia assim, como falei estou critica, sei que não devo comprar um livro com um filme, sei que eles não serão nunca iguais ou totalmente fiel , mas na minha opinião mesmo achando o filme muito bom, acho que faltou um pouco mais de exploração sobre a verdeira historia de O Hobbit.

Sei que em o Hobbit que Bilbo acha o anel(meu precioso), mas serio não tem o por que dar tanto enfoque na volta de Sauron, isso não existe no livro, porque??? Serio o filme perdeu um pouco de seu contexto quando resolveram dar enfase em contar como foi a primeira aparição de Sauron antes de seu retorno atras do anel, posso estar errada mas não me recordo de nada no livro além de Bilbo encontrar o anel. Há Tati vocês está se apegando a detalhes, sim estou, pois sei que o Hobbit é muito F... e não precisa de uma historia totalmente diferente dentro dele, sei que no livro tem momentos que  Gandalf, o Cinzento tinha coisas a resolver , e isso que J.R.R Tolkien queria deixar isso na duvida, por que não levar essa parte para o filme também. (desculpe-me , momento revolta de fã). Outro ponto que achei muito forçado, foi o romance de uma anão com uma Elfa, serio muito desnecessário (sou romântica, mais isso não precisava), acho que sou a unica pessoa na face dessa terra media que acha que isso não erá preciso para o filme. Já tinha me acostumado com a aparição e  Legolas mesmo sem ele existir no livro, e sim sua atuação foi muito boa e como disse um amigo " Legolas  inventou  o Parkuor". A morte do Dragão foi muito boa, mesmo achando ainda Bard é o cara em acertar em cheio. Tirando alguns detalhes e ainda achano que havia muito a ser explorado, pois duas horas e pouquinha não é filme Peter Jackson, achei o filme muito bem produzido, o que sobrou de minha parte não critica amou o filme. E recomendo para quem ainda não vi-o.

Previous Post Next Post

Também recomendamos